Em um ano, mais de 25,5 milhões de selos digitais com QR Code foram emitidos em atos extrajudiciais
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 26/05/2020 16:09

Em maio deste ano, completou-se um ano desde que o Corregedor-Geral da Justiça, desembargador Bernardo Garcez, determinou a implementação do QR Code nos selos eletrônicos de todos os atos praticados pelos Serviços Extrajudiciais, em cumprimento à Meta 7 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Desde então, mais de 25,5 milhões de selos digitais já foram emitidos.

O código de barra bidimensional (QR Code) está presente em todos os serviços, tanto da gestão privada quanto oficializada. Tal funcionalidade permite que os usuários confiram a validade do ato e de seu conteúdo, bem como atestem a data e o local da prática do ato em questão, propiciando mais segurança aos cidadãos. Além disso, o QR Code permite ainda a fiscalização e correição remota pela Corregedoria de Justiça.