Pela primeira vez em quatro anos acervo físico da 1ª instância do TJRJ tem redução
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 12/02/2020 17:14

De janeiro a dezembro de 2019, o número de processos que compõem o acervo físico de todas as varas da 1ª Instância passou de 9.324.117 para 8.535.828,  uma redução de quase 800 mil autos. Essa é a primeira vez em quatro anos que o acervo da 1ª instância tem redução ao final do ano, ao invés de aumento, conforme demonstra o gráfico.

Clique para baixar em alta resolução

Diversas medidas do Corregedor-Geral da Justiça, desembargador Bernardo Garcez,  contribuíram para a redução do acervo físico, tal como o Aviso CGJ 368/2019 que determinou, entre outras ações, a movimentação de processos que estavam paralisados.

Além disso, a concessão de Grupos de Auxílio Programado (GEAP-C) foi importante para que os cartórios melhorassem o processamento. Em 2019, mais de 80 varas receberam apoio de pessoal com GEAP para desenvolver diversas atividades, inclusive arquivamento. Também foram estabelecidos critérios objetivos para designação do grupo, além de uma rotina de monitoramento, com fixação de metas para medir a produtividade da equipe.