Comissários de Justiça debatem os novos desafios para a promoção dos direitos da criança e do adolescente
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 18/06/2018 17:05

Comissários de Justiça de todo o estado e especialistas na área da Infância e da Juventude estiveram reunidos hoje (18/6), no Auditório Desembargador José Navega Cretton, para falar sobre “Desafios contemporâneos para a promoção dos direitos da criança e do adolescente”. Participaram da abertura do evento o juiz auxiliar da Corregedoria Geral da Justiça Afonso Henrique Barbosa, a diretora da Divisão de Apoio Técnico Interdisciplinar (DIATI), Sandra Levy, e a chefe do Serviço de Apoio aos Comissários de Justiça (SECJI), Monica Zouein. O debate foi promovido pelo SECJI, setor ligado à Corregedoria Geral da Justiça, pelo Dia do Comissário de Justiça, comemorado em 20 de maio.

- O tema escolhido para o debate deixa clara a preocupação dos comissários com as diversas possibilidades de ajudar as crianças e adolescentes de nosso estado – elogiou o juiz.

Os comissários da Infância, da Juventude e do Idoso (comissários de Justiça) prestam um serviço de assessoramento à Justiça que é essencial para a sociedade. Cabe a eles a fiscalização das normas de prevenção e proteção às crianças, adolescentes e idosos, garantindo um convívio sadio no meio social, evitando situações de risco e exploratórias.

Foram debatidos os seguintes temas: “Sexualidade e gênero: adolescentes acolhidos e em cumprimento de medida socioeducativa”, “Relato de caso de adolescente transexual em medida de internação”, “Fiscalização preventiva: descrição de uma experiência bem-sucedida”, “Comissário de Justiça: quem somos e a quem servimos”, “Depoimento Especial: a experiência da comarca de Teresópolis”, “Projeto político-pedagógico: reflexões sobre uma experiência de abrigo”, Apresentação do Programa de Proteção a Crianças e Adolescentes Ameaçados de Morte: desafios do contexto” e “Crianças e adolescentes em situação de rua: contexto, políticas e diretrizes nacionais”

Galeria de Imagens