Assessoria Imprensa (Dest. Foto/Texto)

Retornar para página inteira

Hospital Alcides Carneiro, em Petrópolis, ganha Unidade Interligada

Notícia publicada pela Assessoria de Imprensa em Tue Oct 10 15:18:00 BRT 2017

Em provimento publicado hoje no Diário Oficial Eletrônico o Corregedor-Geral da Justiça, desembargador Claudio de Mello Tavares, determinou a reativação do Posto de Atendimento nas dependências do Hospital Alcides Carneiro, em Corrêas, Petrópolis, e sua transformação em Unidade Interligada dos Serviços de Registro Civil de Pessoas Naturais. Cabe à Corregedoria orientar, normatizar e fiscalizar as atividades das serventias extrajudiciais havendo a necessidade de constante adequação das serventias extrajudiciais para otimizar a prestação de seus serviços com maior eficiência e economia.

A nova Unidade Interligada vai ao encontro do comprometimento da Corregedoria Geral da Justiça com o Projeto de Erradicação do Sub-Registro de Nascimento, sendo certo que a ausência de registro civil ocasiona a exclusão social, restringindo o acesso à educação e à saúde e impedindo o pleno exercício da cidadania. O Posto de Atendimento nas dependências do Hospital Alcides Carneiro é vinculado ao Serviço do RCPN 2º Distrito da Comarca de Petrópolis e será transformado em Unidade Interligada a partir de 16 de outubro 2017, com atribuição para registro de nascimento e óbito. Esta Unidade Interligada fica na Rua Vigário Correa  1345, em Corrêas , Petrópolis , e funcionará de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

O Hospital Alcides Carneiro é a maior Instituição pública de Petrópolis, com mais de 70 anos de existência e gerida, desde 2008, pelo Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro - SEHAC, criado para este fim. É referência regional em Maternidade de alto risco e UTI neonatal além de prestar Assistência Médico-Hospitalar, em regime Ambulatorial, de Urgência e Emergência, de internação em Clínica Médica, Pediátrica, Terapia Intensiva (Adulto) e em Clínica Cirúrgica nas especialidades de Cirurgia Geral, Cirurgia Ginecológica, Mastológica, Odontológica, Oftalmológica, Otorrinolaringológica, Obstétrica, Pediátrica, Plástica Reparadora, Proctológica, Cirurgia Vascular e Urológica.

É credenciado pelo município e habilitado pelo Ministério da Saúde como Unidade de Assistência de Alta Complexidade – UNACON, de atenção especializada em tratamento oncológico clínico e cirúrgico.  Ali são realizados mensalmente cerca de 136 partos normais e 128 cesarianas. A média mensal de atendimento de emergência na maternidade é de 1.594 pacientes.

Em recente entrevista, o Corregedor-Geral  falou sobre as Unidades Interligadas:

- Elas são importantíssimas para a população, principalmente para as pessoas mais humildes, que, muitas vezes, vão adiando a ida ao cartório mais próximo, por falta de dinheiro para o transporte ou de tempo, e acabam não registrando os filhos. Com o cartório funcionando em maternidades, a emissão da certidão de nascimento é feita na hora, gratuitamente, e essa desburocratização facilita a vida do cidadão garantindo seu direito básico.

Com esta, o Estado do Rio de Janeiro conta com 59 Unidades Interligadas instaladas  em maternidades, uma na Defensoria Pública no Méier (que expede diversos documentos), uma na 1ª Vara da Infância da Juventude e do Idoso da capital (idem) e uma no Instituto Médico-Legal (IML) para fornecer atestados de óbito.